quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Marketing

Ainda o jantar ia a meio, quando se ouviu: "depois, podemos dar um passeio?". Traduzi, para os demais convivas, que o intuito dos meus petizes era caçar pokémons e prometi-lhes que, mais logo, iria caminhar com eles.
Entretanto, apercebi-me de que os petizes começaram a trocar animados sussurros e risinhos com Edite.
À hora da despedida, sou informado de que Edite "também vai caçar pokémons connosco". A filha tratara de lhe instalar o jogo no telemóvel e até já tinham escolhido uma menina com um "nome fixe" (provavelmente, porque este pai escolhe nomes como lçkjlkh ou kjggjhg).
Enfim, naquele serão, ele caçou com o meu telemóvel e ela com o de Edite. Não houve insatisfações com o número de bolas gastas. Ninguém se queixou das vezes em que os alvos fugiram. O pai não teve de controlar o tempo para ir alternando "agora é a vez do teu irmão" com "agora dá o telemóvel à mana".
Desde então, todos os dias, invariável e insistentemente, massacram-me com a ladainha: "podes convidar a Edite?".

...cheguei a ponderar comprar mais um telemóvel.

14 comentários:

  1. E que tal é a Edite? :p

    Bom dia, caro Ente :)

    ResponderEliminar
  2. Mas acabaste por ceder a usar o da Edite, ou resolveste deixar tudo como antes da Edite?

    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro,
      Sou avesso a que tudo fique na mesma. Às vezes, é mesmo preciso não mudar nada.
      Abraço,
      Outro Ente.

      Eliminar
  3. Ainda há pokemons? Não os apanharam todos durante o verão?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que não menina Mirone.
      Em tempo letivo, hibernam durante a semana. Mas, à 6ª à tarde, saem à rua para brincar à apanhada. Quer vir? Pode ser da nossa equipa...
      Um beijo,
      Outro Ente.

      Eliminar
  4. E enquanto as crianças apanham picachus, o pai e a Edite podem sempre apanhar beijos e não precisam de prestar tanta atenção aos petizes, acho que os miúdos têm razão, convide lá mais vezes a Edite.
    Ab
    Misha

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro,
      Com os filhos, toda a atenção é pouca.
      Bom fim de semana,
      Outro Ente.

      Eliminar
  5. Na grande roda, é curioso um universo paralelo em que Pikachu seja uma espécie de novo Cupido, sem setas, mas com bolas para capturar tempo, atenção e, quiçá, novas oportunidades ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ena, meu caro. Isso é que é marketing.
      Abraço,
      Outro Ente.

      Eliminar
  6. Pipocante Irrelevante Delirante30 de setembro de 2016 às 15:34

    A Edite é um pokemon de água ou de fogo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro,
      A Edite é uma pokemona lendária.
      Abraço,
      Outro Ente.

      Eliminar