terça-feira, 19 de maio de 2015

Certamente não terá sido um piropo

Vinha na A1 a velocidade constante, mercê do cruise control, aproveitando para responder a algumas chamadas perdidas. Uma calmaria só incomodada pelas ocasionais rajadas de vento. Apercebo-me de que já teria ultrapassado aquele ford fiesta preto algumas vezes. Talvez não. Mantenho velocidade constante. Sou ultrapassado pelo FF, que logo se esvai assim que se coloca à minha frente. Ultrapasso-o, sem nunca usar os pés. Velocidade constante, portanto. Olho pelo retrovisor. Uma miúda, que me ultrapassa, para se deixar abrandar logo que põe o carro à minha frente. Acho que só lhe faltava travar. Mantenho velocidade constante. Olho-a enquanto a ultrapasso. Sorri-me. Acelero, sem saber se ela quereria um aceno de mão ou uma buzinadela na traseira.

22 comentários:

  1. Olha, olha, temos Marialva do Asfalto. :DDD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Mirone,
      Olhe que não. Eu sei muito bem que não poderia ser um piropo, afinal não me senti nada incomodado...
      Beijo,
      Outro Ente.

      Eliminar
    2. Está bem abelha. :D
      (virou o bico ao prego)

      Eliminar
    3. Nós e a Maia. (É engraçado como lhe associo coisas, apesar de não a conhecer. A abelha Maia é uma delas. E o Joca.)
      Um beijo,
      Outro Ente.

      Eliminar
    4. Oh, gostava tanto da Mara (e da Maia).
      Sim, há uma marmota fofinha dentro de mim (mais do que uma abelha)

      Eliminar
  2. Tenho cá comigo que está a ser maroto nessa última frase. Ou se calhar sou eu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Be,
      Se formos, somos. Se calhar, calhou. É tão bom brincar...
      Um beijo,
      Outro Ente.

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Querida Uva,
      É levar tudo como elogios e, acima de tudo, não nos levarmos demasiado a sério nem aos outros demasiado a brincar.
      Um beijo,
      Outro Ente.

      Eliminar
  4. Para a próxima, em vez de se interrogar se alguém que lhe sorri, pretende alguma coisa de si, experimente sorrir de volta, assim mesmo, só porque sim...
    (ou isto foi só uma forma de nos dizer, a nós, suas leitoras, que é deveras atraente, a ponto de descontrolar miúdas na A1...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Cláudia,
      Como foi que me chamou no outro dia?... ah, pois, foi isso: Cary Grant... e também já tinha dito que me achava divertido... além de tudo isso e muito mais coisas boas, também tenho uma excelente memória.
      Lembrou-me Madredeus. Ofereço-lhe: "Não sei se consigo enfim. Um dia esquecer que teus olhos. Sorriem, mas não para mim"...
      Um beijo,
      Outro Ente.

      Eliminar
    2. ...obrigada pela gargalhada.

      Eliminar
  5. "uma buzinadela na traseira" será talvez uma fantasia recorrente, sobretudo daquelas que se lhe metem, com impertinente insistência, à frente.

    ResponderEliminar
  6. Querida Lady Kina,
    São os motores potentes e os faróis da frente elegantes que me seduzem.
    Boa noite,
    Outro Ente.

    ResponderEliminar
  7. Ahahahahahahahah "buzinadela na traseira"... :DDD (Só me rio de coisas tontas... Já tinha idade para ter mais juízo.)
    Um beijo e obrigada pela gargalhda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara NM,
      A rir-se das minhas dúvidas? Obrigado.
      Um beijo,
      Outro Ente

      Eliminar
    2. Em caso de dúvida eu teria optado pela buzinadela... Na traseira! :DD (Esqueça, sou um caso perdido de imaturidade.)

      Eliminar
    3. Pois eu acho que se lembraria da matiné dançante e lhe diria adeus retribuindo o sorriso. (Um caso bem achado de boa-disposição.)

      Eliminar
  8. Hum... A rapariga conduzia um lambo roxo?
    (ah! Não. Era um Fiesta. Que desatenta sou...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Mais Picante,
      É uma fiesta essa sua desatenção.
      (A miúda estava a querer chamar a atenção. Miúdas assim são, invariavelmente, ultrapassadas.)
      Boa noite,
      Outro Ente.

      Eliminar
  9. Ela queria era f(i)esta! :)))

    Beijos, caro Ente. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Maria Eu,
      Bem apanhado.
      Boa tarde,
      Outro Ente.

      Eliminar