segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Basado neste arrazoado recorrente impetra a reforma...

"Na burundanga em que se desdobra o aranzel recursivo do recorrente – repete de forma “pregnante”, percuciente e ad nauseam as mesmas galimatias dobando e escarchando um fastidioso e entediante ror de inanidades parecendo querer desafiar a inteligência de quem julga pela iteração alusiva e desaforada das mesmas razões, de facto e de direito – o recorrente pede que seja decretada a nulidade do acórdão recorrido por ter existido um pacto simulatório entre o recorrente e o recorrido, com a intenção de prejudicar a Autora."
Acórdão do STJ de 20/10/2015


Muitos são os países onde as decisões judiciais principiam "Nós, em nome do povo, decidimos que...". Inexiste tal hábito entre nós... Por cá, decida-se ou não em nome do povo, notório é que ninguém se lhe dirige.

7 comentários:

  1. Caro Ente,
    Os meus sinceros agradecimentos. Graças ao seu post fui ler o Acórdão em causa. A leitura não foi fácil, confesso, mas respondeu a uma questão que me tem vindo a ocupar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Ana,
      Seja qual for "a questão" em questão, certamente encontrará outro aresto em sentido oposto...
      Bom dia,
      Outro Ente.

      Eliminar
  2. Um grande cómico, no lugar do julgador. Não fala para o povo, nem para os seus pares/destinatários: esquece sistematicamente a maiúscula em Recorrente e em Recorrido, que, não sendo "obrigatórias", deveriam levar o mesmo tratamento que a Autora. E também desconhece que Direito se escreve com maiúscula quando se reporta à matéria (Ex: razões de Direito).
    Mais um que podia voltar para os bancos...
    Um beijo e votos de um dia feliz, Outro Ente,
    Linda Blue.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ena, bela Blue, quem não gostaria de a ter como examinadora era eu. Aparentemente, o objetivo foi proporcionar uma "experiência quasi-literária do direito". Assim, minúsculo.
      Bom dia,
      Outro Ente.

      Eliminar
  3. Já eu, sem e menor intenção, percebi lhufas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Roger that. Over and out.
      Um dia bom.
      Beijos,
      Outro Ente.

      Eliminar